1 de jun de 2016

Rotina?


Tem tanta coisa esperando para acontecer, mas parece que às vezes a rotina insiste em estender uma cortina cinza sobre nosso rosto, desbotando um cotidiano que deveria ser de agradecimento por todas as bênçãos que recebemos. Aí um dia, algo diferente, mesmo pequeno, nos tira do ciclo acorda-lava a cara-escova os dentes-sai para trabalhar-almoça-volta ao trabalho-chega em casa-reclama da vida-vai dormir para começar tudo de novo. Subitamente, a cortina cinza deixa o olhar livre e límpido, e vemos cores, sentimos sabores e tocamos tudo com mais intensidade, como se fosse a primeira vez. Tentamos prolongar esse sentimento,mas com a mesma rapidez com que descortinamos o olhar para o cotidiano, o véu cinzento parece voltar. Como se algo dissesse que só porque é rotina, não devemos ver cores. Mas devemos e podemos! 

Nossa vida é uma dádiva muito grande, não podemos reduzir nossa felicidade a uma eterna espera pela sexta-feira e a um domingo lamentando  a chegada da segunda. 

Rotina não é necessariamente uma coisa ruim, mostra que nossa vida está estável, que estamos vivos e atuando. 
E se estiver ruim, o que nos impede de reinventar? Enquanto estamos vivos, muita coisa pode acontecer, podemos ser e fazer muito! 
Há um mundo de possibilidades! Aproveitemos então o que temos como dádivas e façamo-nos uma dádiva para o mundo! 


2 comentários:

  1. Isso mesmo.Não fazer da rotina uma chatice.Sempre podemos dar uma mexidinha e ver cores ,flores nela...beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. A rotina se faz presente sempre, as vezes é cansativa e chata, mas cabe a gente mudar.

    bjoka =)

    ResponderExcluir

Devaneie você também!

Babel

O que você procura?

Quer receber estes devaneios em seu e-mail?

Devaneios em Vídeo