18 de mai de 2013

Desculpa!



Desculpa por não ter a resposta certa

Por não ter tato na hora em que mais se precisa
Por não saber a hora de parar, a hora de calar

Por não notar o que todo mundo nota

Por não saber o que todo mundo sabe
Por não ouvir lamentações vazias

Por ter outros pontos de vista
Por não compreender o senso comum

Por não me moldar ao mundo! 

Desculpa por não ser suficiente lapidada

Simplesmente, desculpa por não saber agradar, e nem me encaixar. 

E, desculpa por ser feliz assim!

9 comentários:

  1. Lindo!! Beijos,ótimo fds!chica

    ResponderExcluir
  2. A liberdade de fugir do senso comum tem um preço um pouco alto, no entanto, vale a pena ser pago.
    Bom fim de semana, Mari.

    ResponderExcluir
  3. Tá desculpada, Mari.
    Estamos aí!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  4. Adorei, parece que de qualquer forma que agimos, sempre desagrada ou incomoda alguém.
    Um abraço carinhoso

    Paty Alves
    Ágape Amor Verdadeiro
    Patyiva
    Vou Conseguir

    ResponderExcluir
  5. Ahhh Mari este texto foi escrito pra mim, essa semana mesmo briguei com o marido, ele quer que eu seja como minhas irmãs ou essas mulheres que não ligam pra nada, eu não sou assim, ligo para o que vem de dentro do coração, da felicidade que te faz bem... rsrsrsrsrs... amei... Beijinhos e obrigada pelo carinho, minha volta esta sendo maravilhosa com a presença dos amigos da blogosfera. *.*

    ResponderExcluir
  6. Mari,

    Tudo bem? Continuo no limite e sem tempo devido ao que estou me dedicando a trabalho e por isso só agora consigo passar aqui. Adorei a sua liberdade de expressão de ser o que se é, sem a intenção de agradar ao senso comum. Não é fácil e as vezes o preço é alto, mas talvez seja a razão de que a vida vale a pena no final.

    Beijos e bom final de semana!

    ResponderExcluir
  7. Oi Mari!
    Adorei o texto!
    O fato de ser diferente dos outros não quer dizer que seja estranho. Vivemos num mundo livre, cada um pode ser o que, quer.
    Mas cá entre nós: pessoas não suficiente lapidadas são as melhores ;)

    ResponderExcluir
  8. Mari,quando somos diferentes causamos estranheza.Linda sua poesia e blog!bjs e boa semana,

    ResponderExcluir

Devaneie você também!

Babel

O que você procura?

Quer receber estes devaneios em seu e-mail?

Devaneios em Vídeo