30 de nov de 2012

D's


Devaneios
Delírios
Desvarios
Desassombro


Dias de glória
Dias de luta
Dias vermelhos
Dias cinzentos


Descabelam
Dissolutos
Desemperram
Descortinam


Descobertas
Doloridas
Documentam
Domesticam


Doces digressões
Destemperados dissabores
Duros desafios


Deixam
Desviam
Doloridos
Desavisam


Deslumbramentos
Dúbios
Doidivanas
Decisões
 

8 comentários:

  1. Agora que eu estou reparando como a vida está repleta de D's.
    Distância
    Desilusões
    Dramas
    Divertimentos...

    Enfim, dá pra ficar o dia todo aqui nessa brincadeira.
    Muito criativo esse poema.

    Bom fim de semana. Até a próxima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, daria para colocar muito mais d's.
      Adoro brincar com as palavras!

      Excluir
  2. Mari, tudo bem?
    Aaaadorei esse jogo de palavras e aliterações!
    Acho que você se permitiu um poema e fez Poesia com "P" maiúsculo!
    Gostei. Foi um devaneio bom! :)
    Beijos e ótima semana!

    ResponderExcluir
  3. Tai, curtir! Adoro poemas com esses jogos de palavras, tem que ter um pouco mais que inspiração para escreve-los, é preciso também certa técnica, certa intimidade com as palavras e seus sons.

    ResponderExcluir
  4. Mari,
    fui no teu outro blog e gostei muito!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Esse é o tipo de poema que eu gosto de ler, e de escrever, apesar de geralmente eles não serem tão fáceis assim de colocar no papel, é o tipo de brincadeira que dá trabalho. Gostei muito.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Marina.
    Muito bom; me lembrou um texto excelente do Chico Anísio que ele leu uma vez no programa do Jô que havia sido escrito inteiramente com palavras que começavam com "m".
    Abraço.

    ResponderExcluir

Devaneie você também!

Babel

O que você procura?

Quer receber estes devaneios em seu e-mail?

Devaneios em Vídeo