Escrever é imperativo....

A caneta paira sobre o papel, 
Palavras assaltam-me, aos borbotões, incontroláveis.
Frases surgem, nem sempre com sentido.
Após o êxtase da escrita, preciso
Reler
Aparar arestas
Lapidar
E assim, comportado, o texto poderá 
ser apresentado.

Comentários

Postagens mais visitadas