5 de mai de 2011

O Lado Escuro


(texto escrito no final de minha adolescência).
 
Todos nós temos uma faceta escondida de nossa personalidade. E assim ela permanece até que, um belo dia, nós a revelamos – surpreendendo às pessoas ao nosso redor, e mais ainda a nós mesmos.
Chega o dia seguinte  -ou o segundo seguinte - e não acreditamos que fizemos ou falamos aquilo.

Não me refiro aqui às pessoas que exageram na bebida, no fim de semana, ou que cometem sei lá que excessos entorpecentes ou "amalucadores". Estou falando de nós, sóbrios. Que de um minuto para outro fazemos ou falamos coisas inacreditáveis; os nossos famosos “cinco minutos”, que sabemos que existem.

Essas divagações me fazem lembrar do filme “O Máskara”, em que o ator Jim Carrey interpretava um jovem (Stanley) que, ao colocar uma máscara mágica, mostrava o lado escuro de sua personalidade, um lado que ele nunca deixou vir à tona.
E se essa máscara existisse?
Pois eu digo que ela existe, sim. E digo mais: somos o inverso de Stanley.
Usamos uma máscara (ou várias) o tempo inteiro. Ocultamos nossa verdadeira personalidade, até o dia em que o “outro por dentro” se cansa de ficar escondido e assume o comando por algum tempo – minutos, ou horas. (Às vezes para sempre)
E, assim como Stanley, acordamos, depois, aturdidos.
Ainda bem que nosso outro não assume o comando para sempre. Ou que pena?

(a foto acima foi uma tentativa de fotografar um eclipse lunar... há alguns anos atrás)

2 comentários:

  1. Em maioria dos casos penso... que pena! haha

    O que nos torna interessantes é este lado obscuro. Uma pessoa só de luz não teria a menor razão de ser.

    ResponderExcluir
  2. E o que você fez nesses seus cinco minutos?
    Eu creio que todos nós somos vários. Várias camadas que se alternam, revelando diversas características. Pra mim personalidade é isso.
    Mas concordo que quase todos temos um lado que deixamos menos aparente e que vez ou outra vem à tona.

    ResponderExcluir

Devaneie você também!

Babel

O que você procura?

Quer receber estes devaneios em seu e-mail?

Devaneios em Vídeo