4 de fev de 2011

"Mas a dúvida é o preço da pureza, e é inútil ter certeza" (Engenheiros do Hawaii)


 


“O que pode ser certo em um mundo cheio de dúvidas? A dúvida é a única certeza (além da morte).... vivemos em um mundo de incógnitas, procurando uma base segura, mesmo sabendo que ela só existe hipoteticamente. Na verdade, cada passo de nossa caminhada, só avançanos tendo uma base segura,um ponto de apoio, mesmo que exista somente em nossa cabeça. Não mergulhamos no escuro, ou pelo menos dizemos que não o fazemos, mas como sabê-lo?
O não saber é fascinante. Não saber do amanhã é assustador e ao mesmo tempo formidável. Que graça haveria se soubéssemos exatamente o que vai se passar conosco, com as pessoas queridas, com nosso ambiente...se pudéssemos prever o amanhã, que incentivo, que motivação poderíamos ter,se esse futuro não pudesse ser mudado?
Sim, vivemos em um mundo de dúvidas, mas como é fantástico viver assim!!!

Um comentário:

  1. Oi, Mari! Segui sua sugestão e vim visitar esse post, me chamou a atenção por se tratar de Engenheiros, que adoro. É verdade... a certeza seria inútil porque tornaria a vida sem graça. É na dúvida que está a beleza das buscas e aprender a aceitá-las com serenidade, então, melhora bastante nosso leque de oportunidades. Adorei o texto, feliz 2014, um abraço!

    ResponderExcluir

Devaneie você também!

Babel

O que você procura?

Quer receber estes devaneios em seu e-mail?

Devaneios em Vídeo